Polícia prende trio e desarticula esquema de tráfico de drogas no Cariri, que utilizava veículos alugados em nome de “laranjas”

Foto: Ascom

Uma ação da Polícia Civil do Estado do Ceará (PC-CE), por meio do Núcleo de Combate ao Tráfico de Drogas (NCTD), com o apoio da Coordenadoria de Inteligência (Coin) da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), realizada nesta terça-feira (24), culminou na desarticulação de um esquema criminoso de tráfico de drogas na região do Cariri, que utilizava veículos alugados em nome de “laranjas” para despistar a Polícia. Na ofensiva, ocorrida em Juazeiro do Norte, foram presas três pessoas, além de serem apreendidas três pistolas, munições, drogas e veículos.

O trabalho policial desenvolvido nesta terça-feira é desdobramento de uma ação ocorrida em novembro de 2022, quando os policiais do NCTD prenderam Pedro Lima Leandro (20), que já respondia por tráfico de drogas. O homem transportava drogas oriundas de São Paulo quando foi interceptado pelos policiais civis.

Com a prisão de Pedro Lima Leandro, os policiais passaram a investigar para quem o homem entregaria a droga no Cariri. Com o aprofundamento das investigações, os investigadores identificaram um esquema criminoso que utilizava carros alugados em locadoras, em nome de “laranjas”, para a prática dos crimes de tráfico de drogas e homicídios. Com as informações, os policiais solicitaram ao Poder Judiciário sete mandados – sendo um de prisão e seis de busca e apreensão que foram cumpridos hoje (24).

No total, a Polícia apreendeu três pistolas, 76 munições, mais de seis quilos de entorpecentes divididos entre maconha e cocaína, além da quantia de mais de R$ 4 mil reais e três veículos, dois deles estavam com queixa de apropriação indébita. Diante do flagrante, os suspeitos foram identificados como João Levi Morais Alves, de 22 anos, que já responde por tráfico de drogas e posse irregular de arma de fogo; Francisca Nayara Teixeira Silva, 23 anos, e Anderson Fernando de Souza, de 20 anos.

Eles foram conduzidos à sede da Delegacia Regional de Juazeiro do Norte, onde foram autuados pelos crimes de tráfico e associação para o tráfico de drogas, posse irregular de arma de fogo e apropriação indébita. Posteriormente, os veículos com queixa serão restituídos aos proprietários. As investigações sobre o caso seguem no sentido de identificar outros partícipes do esquema criminoso.

Combate ao tráfico de drogas

Em 2022, mais de 800 quilos de drogas foram apreendidos pelo NCTD no Cariri. As ações de combate ao tráfico de drogas no Cariri – desenvolvidas pelo Núcleo de Combate ao Tráfico de Drogas da PC-CE na região – resultaram na apreensão de 821 quilos de entorpecentes somente em 2022. A quantidade é 3,4% maior se comparada com 2021, quando foram apreendidos 794 quilos. Durante o trabalho desenvolvido foram capturadas 92 pessoas.

Outro dado que chama atenção é o de cumprimento de mandados. Foram cumpridos 82 mandados – sendo 46 de prisão e 36 de busca e apreensão – em 2022 contra pessoas investigadas por tráfico de drogas no Cariri. O número representa um aumento de 90% se comparado com 2021, quando foram cumpridos 43 mandados. Ainda em 2022, foram apreendidas 22 armas e 238 munições, quando em 2021 foram apreendidas 10 armas e 120 munições, um acréscimo de 120% e 98,3%, respectivamente.

Denúncias

A população pode contribuir com as investigações repassando informações que auxiliem os trabalhos policiais. As informações podem ser direcionadas para o (88) 3102-1116, o número da Delegacia Regional de Juazeiro do Norte.

Denúncias também podem ser repassadas para o número (88) 2157-8021, que é o WhatsApp do Núcleo de Combate ao Tráfico de Drogas (NCTD) do Cariri, por onde podem ser feitas denúncias via mensagem de áudio, de texto ou vídeo, ou para o 181, o Disque-Denúncia da SSPDS, ou para o (85) 3101-0181, que é o número de WhatsApp. O sigilo e o anonimato são garantidos.

Deixe seu comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Mais notícias

Publicidade