Eunício Oliveira recusa auxílio-moradia, após valor ser dobrado

Foto: Instagram/Eunicio

O deputado federal eleito Eunício Oliveira (MDB-CE) anunciou na tarde desta quarta-feira (25) que recusará receber o novo valor do auxílio-moradia, que passou a valer R$ 8,4 mil.

O novo valor teve um reajuste de 97.5% e foi anunciado pelo presidente da Câmara Federal, Arthur Lira (PP-AL), na sexta-feira (19). O parlamentar concorre à reeleição à presidência da Casa, com eleição prevista para a próxima quarta-feira (1º), início da legislatura 2023/2026.

Eunício Oliveira alega que o momento é da classe política reunificar o país, quando os brasileiros, em meio a uma polarização ideológica, passam por iguais dificuldades financeiras. O parlamentar lembrou, ainda, que o reajuste exorbitante contradiz a pauta do país, sensibilizado pela “tragédia humanitária” do povo Yanomani.

O Povo/Blog do Eliomar

Deixe seu comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Mais notícias

Publicidade