Ex-presidiário acusado de crime de latrocínio morre em troca de tiros com a polícia em Jardim

Foto: Reprodução

Por volta das 21h30min deste domingo policiais militares do COTAR (Comando Tático Rural) foram até o Sítio Serra Gravatá na zona rural de Jardim com o objetivo de prender uma pessoa acusada de crimes e que possuía arma de fogo. Os PMs foram recebidos à bala por Elias Laurindo dos Santos, de 33 anos, e revidaram quando o mesmo terminou atingido por um dois tiros

Ele foi socorrido ao Hospital Santo Antonio de Jardim, mas já chegou sem vida. Elias respondia vários procedimentos por furtos em Jardim além de arrombamentos naquela cidade e Barbalha e era suspeito de envolvimento no crime de latrocínio registrado sábado naquela localidade o qual teve como vítima Marquiana Pereira dos Santos, de 26 anos.

Deixe seu comentário

Mais notícias