Crato é excluído do Cearense; FCF terá que refazer classificação da 1ª fase

Foto: Reprodução/FCF TV

O Tribunal de Justiça Desportiva do Futebol do Ceará (TJDF-CE) determinou nesta segunda-feira, 25, por unanimidade, pela exclusão do Crato do Campeonato Cearense e a não homologação do certame estadual até o julgamento dos processos 641/2022 e 1534/2022. A decisão atende a medida inominada movida por Icasa e Maracanã, que pedia exclusão do Azulão do Cariri do Estadual por suspeita de manipulação de resultados.

Com isso, o título conquistado pelo Fortaleza nesse domingo, 24, com a vitória por 4 a 0 sobre o Caucaia, aguarda o fim dos demais processos para ser oficialmente confirmado.

Já em relação às consequências da punição aplicada ao Azulão do Cariri, houve um empate por 3 a 3 entre os votantes pela aplicação de W.O em todos os jogos do clube ou a suspensão apenas das quatro partidas que foram citadas nos altos com comprovação de manipulação de resultados. Os jogos em questão são Crato 0 x 2 Atlético-CE, pela 6ª rodada, Ferroviário 4 x 0 Crato, pela 7ª, Pacajus 5 x 0 Crato, pela 10ª rodada, e Iguatu 7 x 0 Crato, pela rodada 12.

O desempate da votação ocorreu por meio da aplicação do critério levantado pela defesa, que determina que o resultado final em caso de igualdade seja pela decisão da pena mais branda para o acusado. Com isso, o TJDF-CE decidiu pela anulação dos quatro confrontos citados e a Federação Cearense de Futebol (FCF) vai definir como vai proceder em relação às partidas anuladas, podendo até fazer com que esses jogos sejam refeitos.

A FCF se pronunciou, por meio da assessoria, que aguarda a publicação do julgamento para dar um novo posicionamento

O Povo

Deixe seu comentário

Mais notícias