Caucaia e Fortaleza empatam sem gols na partida de ida da final do Cearense

Foto: Kid Júnior / SVM

Caucaia e Fortaleza empataram sem gols nesta sexta-feira (22), na Arena Castelão, no duelo de ida da final do Campeonato Cearense 2022.

A igualdade no 1° confronto deixa o título do Estadual em aberto. A decisão acontece no domingo (24), na Arena Castelão. O vencedor da partida conquista o troféu. Em caso de empate no agregado, a decisão será nas penalidades.

O JOGO

A equipe de Juan Pablo Vojvoda conseguiu dominar o 1° tempo da partida, com controle da posse de bola, buscando envolver o adversário. O ímpeto defensivo caucaianse, porém, neutralizou as ações no último terço do campo, contando, também, com a ineficência ofensiva do Fortaleza.

Logo aos 3 minutos, Robson recebeu na área, mas finalizou para fora. Kayzer também teve oportunidade, mas desperdiçou. O Caucaia, por sua vez, explorava os contra-ataques em velocidade para chegar com perigo ao gol de Max Walef, mas a equipe de Roberto Carlos pouco conseguiu aproveitar as oportunidades, tendo arremates de fora da área interceptados pela defesa leonina.

SEGUNDO TEMPO

Na etapa final, o Fortaleza iniciou agredindo o Caucaia, com o atacante Robson novamente desperdiçando uma oportunidade na área adversária. A equipe de Roberto Carlos, por sua vez, manteve a organização apresentada nos 45 minutos iniciais, esperando o Fortaleza para iniciar o contra-ataque rápido. Em duas ocasiões, a defesa do Tricolor teve de paralisar com falta. O lateral Ceará teve uma boa oportunidade na bola parada, mas mandou para fora.

Para melhorar o desempenho do time, Vojvoda promoveu a entrada de Lucas Lima, Lucas Crispim e Moisés. O efeito das mudanças foi imediado, com a equipe tricolor preenchendo o meio-campo e dando ritmo as jogadas no setor ofensivo. Ceballos, de cabeça, mandou para fora, enquanto Romarinho parou em Célio. A resposta do Caucaia veio com o meia Leylon, de fora da área, mandando à esquerda de Max Walef.

O duelo ficou equilibrado nos minutos finais, com o resultado de igualdade persistindo até o término da partida.

Diário do Nordeste

 

 

Deixe seu comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Mais notícias