Região do Cariri supera média estadual e ultrapassam 90% do público vacinado com duas doses

Duas das cinco macrorregiões de saúde do Estado alcançaram nesta quinta-feira (17) uma expressiva marca na corrida contra a coronavírus. O Cariri e a Região Norte ultrapassaram a taxa de 90% na aplicação da vacina conta Covid-19 no que se refere ao esquema primário, isto é, primeira (D1) e segunda doses (D2).

Estas suas macrorregiões se aproximam do coeficiente tido como ideal por especialistas, o objetivo é ultrapassar a marca dos 95%. O Cariri: aplicou 1.125.908 doses, totalizando 90,1% do público-alvo

Cidades que compõem a região:

Abaiara, Acopiara, Altaneira, Antonina do Norte, Araripe, Assaré, Aurora, Baixio, Barbalha, Barro, Brejo Santo, Campos Sales, Caririaçu, Cariús, Catarina, Cedro, Deputado Irapuan Pinheiro, Farias Brito, Granjeiro, Icó, Iguatum, Ipaumirim, Jardim, Jardim, Jati, Juazeiro do Norte, Jucás, Lavras da Mangabeira, Mauriti, Milagres, Missão Velha, Mombaça, Nova Olinda, Orós, Penaforte, Piquet Carneiro, Porteiras, Potengi, Quixelô, Saboeiro, Salitre, Santana do Cariri, Tarrafas, Umari, Várzea Alegre

A Região Norte aplicou a D1 em 99% do público-alvo, enquanto o Cariri atingiu o índice de 98,2%. Os índices conquistados pelo Norte e Cariri são expressivos e importantes na corrida contra a Covid-19. Além de estarem acima da média nacional, ambas as regiões também estão acima da média nacional. Conforme o Ministério da Saúde, quase 153 milhões de brasileiro já receberam ambas as doses, o que representa 71,9% da população.

No Cariri, a curva de incidência está em queda desde o dia 3 de fevereiro. Naquela data, a média móvel era de 718. Ontem, dia 16, essa média estava em 235.

Diário do Nordeste

Deixe seu comentário

Mais notícias

Publicidade