Fóssil de crânio de pterossauro originário da Bacia do Araripe, é devolvido ao Brasil por museu da Bélgica

O fóssil de um crânio da espécie Pteurosauria originário da Bacia do Araripe, foi repatriado da Bélgica para o Brasil na última segunda-feira (31). A peça paleontológica estava no acervo do Instituto Real de Ciências Naturais da Bélgica.

De acordo com o coordenador do Laboratório de Paleontologia da Universidade Regional do Cariri (Urca), Álamo Saraiva, o crânio é de um tapejarídeo, um pterossauro que viveu na Bacia do Araripe entre 220 e 116 milhões atrás.

“Esse fóssil que estava na Real Academia de Ciência da Bélgica talvez tenha saído do Brasil nos anos 1990. É um fóssil muito importante, é um crânio completo de um tapejarídeo, ou seja, de um pterossauro que viveu aqui na Bacia do Araripe aproximadamente entre 220 a 116 milhões de anos passados. Esse material é importante pelo estado de preservação em que ele se encontra”.

G1-CE

Deixe seu comentário

Mais notícias

Publicidade