Delegacia de Juazeiro do Norte não emite boletim de ocorrência há 3 dias por problema em impressora

A Delegacia Regional de Juazeiro do Norte, na Região do Cariri do Ceará, está há três dias impossibilitado de emitir registros de boletim de ocorrência. Desde sábado (12), a única impressora que funciona na delegacia está quebrada. As informações foram divulgadas pela população na manhã desta terça-feira (15).

Os inspetores da delegacia recomendavam desde sábado que a população fizesse os boletins de ocorrência através da internet. No entanto, o boletim eletrônico não ficou disponível durante o fim de semana e segunda-feira (14).

Em nota, a Polícia Civil do Ceará informou que os procedimentos já estão normalizados, após o recebimento de um novo equipamento na tarde desta segunda-feira (14).

A impossibilidade de emitir registro afeta a população da região. Um exemplo disso é o caso do fotógrafo Edson Barros. Ele foi assaltado na noite do último sábado por uma dupla em uma moto. Os assaltantes levaram todo seu material fotográfico avaliado em R$ 25 mil.

Edson Barros afirmou para a TV Verdes Mares que foi até à delegacia quatro vezes e não conseguiu registrar o boletim de ocorrência. O fotógrafo teve que registrar o documento na cidade vizinha do Crato.

“Eu fui quatro vezes à delegacia. Falaram para mim que estavam cheios e que o procedimento estava ocorrendo lá e não conseguiam atender. Só que percebi que chegaram outras pessoas depois de mim, chorando, com alguma confusão e foram recepcionadas da mesma maneira. E o site fora de área e que não abre. Ficamos totalmente de mãos atadas”, disse.

Novo equipamento

A Secretaria da Segurança Pública confirmou que a impressora apresentou problemas, mas que um novo equipamento já foi enviado a Juazeiro do Norte para estabilizar o serviço na delegacia.

Já sobre o boletim eletrônico, a pasta afirmou que houve uma instabilidade no servidor, mas que técnicos já estavam trabalhando desde segunda-feira (14) para providenciar o retorno.

Deixe seu comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Mais notícias

Publicidade