Há um ano o Crato iniciava a vacinação contra a Covid-19 e já está com quase 100% da população com D1 e 90,81% com D2

Foto: Reprodução

Há um ano, 19 de janeiro de 2021, a esperança da imunização renascia para os cratenses, com a primeira pessoa a receber a dose da vacina contra a Covid-19 no Município. Aos pés do monumento de Nossa Senhora de Fátima, numa manhã chuvosa, a Secretaria de Saúde do Crato iniciava a vacinação da primeira pessoa, a enfermeira Ana Cadja Sá Cavalcante Macedo, da Unidade Básica de Saúde São Miguel. Atualmente, 99,42% da população já recebeu a dose 1 mais dose única e 90,42% a Dose 2 e DU. Um avanço que coloca o Crato em destaque no Estado do Ceará em termos percentuais de vacinação da sua população.

Na tarde desta segunda-feira, 17, foi iniciada de forma pioneira a vacinação de crianças de 10 e 11 anos. Foram disponibilizadas 1 mil doses para atender à criançada com cadastro no Saúde Digital e agendadas.

A Secretaria de Saúde tem intensificado a vacinação diariamente, mobilizando centenas de profissionais para atender à população, desde a realização dos drive-thru, até a mobilização nas unidades de saúde e Centro de Vacinação. Nesta segunda, a vacinação para o público infantil aconteceu no Crato Tênis Clube.

O Prefeito do Crato, Zé Ailton Brasil, destaca a importância de priorizar esforços para vacinar a população e com isso dinamizar os diversos setores da economia, educação, e possibilitar a cada dia mais segurança para as pessoas realizarem as suas atividades de trabalho e convivência com as pessoas.

Além das doses 1 e 2, e a dose única, o Crato avançou também com a dose de reforço, com 31,37% da população adulta já imunizada.

A enfermeira Ana Cadja destacou a importância da imunização e o seu trabalho na sala de vacinação, onde tem atuado profissionalmente. “Eu sou uma defensora da vacina. Sempre acompanho os cartões dos pacientes e oriento sobre a importância de mantê-lo atualizado. A vacina nos protege dos casos graves da doença”.

Uma segunda dose da vacina foi aplicada no condutor socorrista do SAMU e técnico de enfermagem, Eugênio Araújo.

Plano de Operacionalização

O Crato desenvolveu um Plano de Operacionalização para realizar a campanha Vacina Crato. O município recebeu, na primeira remessa, vacinas destinadas ao grupo prioritário, definido pelo Ministério da Saúde. “As primeiras doses da vacina foram entregues de forma fracionada e gradual. Recebemos apenas 34% do primeiro grupo e esse número inicial foi destinado aos profissionais da saúde, da linha de frente de combate à COVID-19 (hospitais, UBS, Unidade de Referência à COVID-19, SAMU, serviços de atendimento domiciliar da SMS, condutores de ambulâncias, porta de entrada de urgência e emergência) e os idosos institucionalizados”, afirmou a Secretária de Saúde, Marina Feitosa.

Deixe seu comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Mais notícias