Cantor Ávine Vinny é autuado por violência doméstica e segue preso

Foto: Reprodução/Reses Sociais

Preso após discutir ao telefone com a ex-namorada com quem tem uma filha, o cantor cearense Ávine Vinny, de 32 anos, foi autuado em flagrante por ameaça no âmbito da violência doméstica. A informação foi repassada pela Polícia Civil na manhã desta terça-feira (14).

Segundo a instituição, o flagrante ocorreu no momento em que a ex-companheira estava na Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) registrando a ocorrência e voltou a receber novas ameças do cantor, fato presenciado pelos próprios agentes de segurança.

“Durante o registro do procedimento, a vítima recebeu mensagens do suspeito com novas ameaças. Diante dos fatos, os policiais civis iniciaram diligências que resultaram na localização e prisão do suspeito. Na delegacia, ele foi autuado em flagrante por ameaça no âmbito da violência doméstica”.

A DDM solicitou à Justiça “medidas de protetivas de urgência” para a vítima, complementou a nota da instituição.

CAPTURA

Ávine Vinny passou a noite detido e ainda segue na manhã desta terça-feira na Delegacia de Capturas e Polinter (Decap), no Centro de Fortaleza. O sobralense divide a cela com outros homens que passaram a madrugada cantando o hit “Late coração”.

As primeiras informações dão conta de que a mulher teria começado a gravar a ligação em que o cantor estaria lhe ameaçando de morte. Após isso, ela procurou a polícia. Na delegacia, o cantor teria ligado para ela novamente e fez outra ameaça de morte, ouvida pela polícia.

“A discussão foi porque ela estava proibindo ele de ver a filha. Ela não mora em Fortaleza e a briga foi por telefone”, disse a assessoria do artista.

A expectativa é que ocorra nesta terça, às 12h, uma audiência de custódia, que pode resultar na soltura do cantor ou na manutenção da prisão.

 

Diário do Nordeste

Deixe seu comentário

Mais notícias