Governo do Ceará retira restrições para bares e restaurantes, e passaporte vacinal será obrigatório

O Governo do Ceará passará a cobrar, a partir da segunda-feira (15), o ‘passaporte de vacina’ contra a Covid-19 em bares, restaurantes e eventos. A exigência foi anunciada em transmissão ao vivo, nesta sexta-feira (12), pelo governador Camilo Santana (PT).

As restrições de horários para esses estabelecimentos, contudo, serão derrubadas a partir da publicação do novo decreto. Além disso, os protocolos sanitários serão revistos, segundo o chefe do Executivo.

Atualmente, o setor de alimentação fora do lar pode manter as portas abertas até as 3 horas, com capacidade reduzida.

Pelas nova regras, não haverá mais limite de horário e as pessoas precisarão comprovar ter completado o esquema vacinal com duas aplicações ou dose única para entrar nestes espaços.

O decreto será publicado neste fim de semana. Nele, constarão os detalhes sobre as demais flexibilizações dos setores.

Camilo mostrou, durante a transmissão, que o ‘passaporte de vacina’ pode ser emitido pelo aplicativo Ceará App – disponível para Android e IOS

Deixe seu comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Mais notícias