Fim da Linha: TSE mantém afastamento do Prefeito de Barro Marquinélio Tavares e confirma Eleição Suplementar em Barro

Foto: Ilustrativa

O prefeito afastado do município de Barro, Marquinélio Tavare, que completa 67 anos neste domingo (07), recebeu como presente, a notícia que sua vida política, provavelmente chegou ao fim.

É que o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), negou pedido liminar cautelar feito pelos advogados do prefeito, que pretendia garantir o retorno de Marquinélio à Prefeitura do Barro e, consequentemente anular a decisão do TRE-CE, que o afastou da Prefeitura e o tornou inelegível por 8 anos.

A eleição suplementar no município de Barro já está marcada para o dia 05 de dezembro. E com isso, Marquinelio que ficará inelegível 8 anos, dificilmente voltará ao cenário político do Barro, pois daqui a 8 anos, terá 75 anos.

Marquinélio Tavares e o vice José Vanderval, ambos do PSD, foram cassados por fraude na contratação de servidores antes das eleições de 2020. O TRE-CE também decretou a perda dos seus direitos políticos cassados por oito anos.

Deixe seu comentário

Mais notícias