Após afastamento dos 3 vereadores pela Justiça, Câmara de Juazeiro vira palco de discussão acalorada e briga pelo poder

Troca de acusações, quebra de decoro e bater na mesma marcaram a sessão desta quinta-feira

Uma sessão marcada por fortes discussões, troca de acusações e até apelo para que os vereadores voltem a debater assuntos de interesses da população de Juazeiro do Norte.

A sessão teve inicio com a posse dos suplentes Jesualdo Duarte e Romão França que assumiram nas vagas dos três vereadores cassados, Auricélia Bezerra encontra-se com problemas de saúde e só assumira seu cargo na próxima terça-feira(30). O vereador Jesualdo Duarte disse que irá honrar o voto das pessoas que votaram nele e que irá pleitear uma vaga nas comissões.

Os vereadores ainda debateram sobre a indicação de novos integrantes para as comissões da casa. O vereador Claudionor Mota fez uma emenda ao projeto do REFIS, que s encerra este mês, a emenda é para garantir que o REFIS seja prorrogado até o mês de junho de 2022.

O Presidente Bilinha teve uma forte discussão com Márcio Joias e disse que abaixo de Deus, só a justiça lhe tira da cadeira de presidente. Márcio rebateu e disse que o Presidente Bilinha faz ouvido de mercador e é fraco.

Em seguida, Bilinha afirmou que não vai deixar fazer política e palanque da Câmara. Márcio Joias encerrou afirmando que falta atitude por parte do presidente Bilinha.

A Assessoria Jurídica da Câmara de Juazeiro do Norte deu parecer favorável para alterar Lei Orgânica do Município para antecipar da eleição da mesa diretora com 11 votos favoráveis. 11 vereadores votaram a favor do parecer da casa, são eles:

Adauto Araújo
Lucas do Horto
Raimundo Jr.
Márcio Joias
Rosane Macedo
Yanny Brena
Jesualdo Duarte
Ivanildo Rosendo
Claudionor Mota
Jaqueline Gouveia
Firmino Calu

3 vereadores votaram contrários:

Janu
Fábio do Gás
Davi Araújo

2 vereadores se abstiveram:

Rafael Cearense
Romão França

4 vereadores faltaram:

Lunga
Nivaldo
Cicinho
Auricélia

E o Presidente Bilinha só votaria se tivesse terminado empatado, a votação.

Deixe seu comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Mais notícias

Publicidade